Paraíba

Prefeito de Campina Grande que “proibiu” Carnaval teve sogra cheirando cocaína na nádega de mulher; vídeo

O prefeito Bruno Cunha Lima, do partido União Brasil, tomou a decisão de proibir a realização do Carnaval nas ruas de Campina Grande (PB). Porém, o político já enfrentou um incidente pessoal que ganhou repercussão nas redes sociais: vídeos de sua sogra cheirando cocaína nas nádegas de outra mulher.

Esse caso ocorreu em março de 2022 e as imagens mostravam a sogra de Bruno Lima beijando uma parceira na boca e, em seguida, cheirando cocaína em cima do bumbum da mulher.

Juliana Cunha Lima, esposa de Bruno Lima na época, também se manifestou nas redes sociais, revelando que não convivia com a mãe desde a adolescência. Ela expressou tristeza ao ver um familiar em uma situação autodestrutiva, mencionando que a vida traz consequências por si só e que não é necessário julgamento externo.

A decisão recente do prefeito de proibir as comemorações de carnaval em Campina Grande tem chamado a atenção em 2024. Durante o período de 8 a 13 de fevereiro, Bruno Lima reservou diversos espaços públicos da cidade e suas imediações, incluindo áreas centrais e bairros, para o evento conhecido como “Carnaval da Paz”. Esse evento consiste em encontros religiosos que ocorrem anualmente.

No entanto, o defensor público Marcel Joffily, que atua em Campina Grande, argumenta que essa proibição é inconstitucional. Segundo ele, o Estado é laico e não deve privilegiar grupos religiosos em detrimento de outros sob o pretexto de organização de espaços.

O Carnaval da Paz engloba eventos religiosos como o Consciência Cristã, Crescer, Miep, E-Alem e A Palavra Revelada. O Consciência Cristã, que acontece no Parque do Povo em Campina Grande, confirmou a presença do pastor americano Douglas Wilson em sua programação. É importante mencionar que Douglas Wilson é um teólogo conservador e defensor da escravidão nos Estados Unidos. O Consciência Cristã é organizado pela Visão Nacional Cristã, com apoio de igrejas protestantes.

Veja matéria na íntegra no DCM

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo