Política

Após polêmicas sobre espionagem ilegal internautas pedem prisão de Bolsonaro

Após os recentes eventos controversos envolvendo o ex-presidente Jair Bolsonaro, muitos usuários das redes sociais estão pedindo pela prisão do ex-capitão, fazendo com que o assunto se torne um dos mais comentados na plataforma.

Uma das polêmicas está relacionada à divulgação parcial de uma lista de autoridades que foram monitoradas ilegalmente pela chamada “Abin paralela” durante o período em que Bolsonaro esteve no poder.

A investigação conduzida pela Polícia Federal revelou um aumento significativo no número de figuras públicas que foram alvos do monitoramento realizado pela “Abin paralela”. Ministros do governo Bolsonaro, deputados federais e senadores estão entre os nomes que foram vigiados, de acordo com informações fornecidas por fontes ligadas à investigação.

Além disso, foi revelado que a Polícia Federal está conduzindo uma investigação adicional para determinar se a “Abin paralela” monitorou o andamento das investigações do assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ). Existem indícios de que membros dessa estrutura tenham tido acesso e impresso documentos relacionados ao caso entre os anos de 2019 e 2021, conforme noticiado pelo jornal O Globo.

A frase “Bolsonaro preso” rapidamente se tornou um dos tópicos mais comentados no X (antigo Twitter). A repercussão desse pedido de prisão tem sido intensa nas redes sociais.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo